« Home | Dúbidas dúbias » | Momentos sublimes » | Coisas q eu sei q aconteceram mas n tenho provas » | Fait-Diver Financeiro » | Conversas con mi bluego » | Impossible is Nothing » | Crónica de uma manhã igual À de tantos outros » | Ornatos » | Projecto Pandora » | O Rei da Selva » 

quarta-feira, maio 10, 2006 

"A beleza dura poucos anos. Não há quase nenhuma pessoa que seja bela uma vida inteira. E essa devastação progressiva do tempo sugere o fatal fascínio da beleza: a beleza é fascinante porque dura pouco. A beleza é fascinante porque é angustiante, porque está em contagem decrescente, porque (tal como todos nós) não anda no mundo muito tempo."

Pedro Mexias, in estadocivil.blogspot.com

Ya, ya, diz ao Sean Connery...

not anymore, i'm afraid. hoje em dia a cirurgia plastica faz milagres.

a cirurgia plástica e o Sean Connery... ;)

A beleza masculina é completamente diferente. Tirando raríssimas excepções, nós nunca somos verdadeira e genuinamente bonitos, assim bonitos do género de ouvirmos piropos na rua, de termos artistas que só nos desenham a nós, de recebermos prendas de valor incalculável de mulheres que desconhecemos.

Não, à nossa modesta beleza temos sempre que aliar outros trunfos: voz, charme, humor fino, alguma inteligência. A menos que sejamos jogadores de futebol, se um homem bonito não tiver outros factores adicionais de atracção (e não for rico) acabará certamente ao lado de uma parola igual a ele.

Uma Mulher bonita, assim de boca cheia, acaba, no duplo sentido, com quem quiser.

O Sean Connery não é propriamente um monumento, assim do ponto de vista estritamente estético...tem é charme, um sotaque caracteristico, um olhar sedutor...

Vocês são realmente muito mais bonitas que nós. Nós tivemos mais sorte nesse aspecto.

dAHH É claro que somos... mas o sean Connery, eu mandava-lhe piropos na rua, dava-lhe prendas de valor incalculável, desenhava-o dos pés à cabeça... e tudo e tudo... e o Harrison Ford... não me faças falar do Harrison Ford...

isso é o que dá teres uma musa inspiradora lá em casa!! ficas assim, todo querido e fofo!!!

:)

...até pareço o pão Bimbo

A cirurgia prolonga a beleza quase eternamente. e cada vez mais está diluido o fenómeno loura burra. cada vez mais as mulheres bonitas são também inteligentes. Mais concorrência para mim ehehehe.
beijinhos

deixa la, Kat, eles nao percebem... tss tss

Já para não falar em casos
flagrantes tipo Kevin Costner e Hugh Grant...
Sim e olha que tu para pão Bimbo só te falta mesmo vires em fatias ;)

olha, bonito, bonito é...

:)

adorava saber onde li ou ouvi isto..., já sei foi o M. Houlebecq. Ele dizia que as mulheres verdadeiramente belas são raras... e que têm um problema: são más na cama. É que fazer amor deforma a expressão..., e depois transpirar, ficar com marcas no pescoço, etc. , é inestético. As mulheres verdadeiramente belas não suportariam esse estado de pior aparência..., pelo que seriam uma seca na cama!

(não sei se ele tem razão, mas as mulheres que não "verdadeiramente belas", tinham que ter uma vantagem qqr! :))

Não sei se o Houlebecq teve alguma experiência traumatizante com alguma mulher extraordinariamente bela ou se simplesmente a eventual inacessibilidade destas lhe provoca alguma azia...mas também há quem diga que elas cheiram mal dos pés e arrotam à mesa, mas eu tb nunca lhes liguei muito...

;p

Enviar um comentário

Links to this post

Criar uma hiperligação