« Home | Eu disse... » | O Pé da Covinhas » | O Blog do Presidente » | » | Estou por aqui » | Vida de adulto » | Filarmónica do Gil » | » | Pensamentos parvos I » | Ele há dias... » 

segunda-feira, agosto 08, 2005 

CRÔNICA DEL REI

Ano de dous mil e cinco da graça de Nosso Senhor.

CRÔNICA DEL REI

Apóus 10 dias de muita folia, justas animadas e donzelas disvirginadas; El-Rei, em toda a graça que lhe foi concedida por Ele, decidiu levantar o acampamento e seguir para o Al-Garve – decidido a, de uma vez por todas, expulsar os bárbaros que por lá habitam à mais de dous mil e cinco anos.

Para trás, em terras de Santa Maria da Feira, ficaram apenas os inválidos, os leprosos, e os lorpas que tem de fazer a contagem e desmontagem do material.


Em nome D´El Rei,

O escriba Real

LOLOL

E não deve ser nada fácil desmontar tanta barraca... =) Mas pelo menos valeu a pena para os visitantes, né?

tadinho...mas ainda bem que isso acabou...já não podia ouvir falar em Santa Maria da Feira...YUPIII!!

:D

...uffffffffffff!!!!!!!!!!!

Muito Bom!

;-)

Eu lamento muito lembrar, mas vocemesse ainda não entrou de férias. É favor uns post'sitos para a malta que ainda está no batente se ir distraindo, ok?!?!

Enviar um comentário

Links to this post

Criar uma hiperligação